Dois


Dois

Um descanso na alma
Um enlace com calma
Um princípio de paz

Dois

Uma fusão de corpos
E o brindar dos copos
A uma espécie de cais

Dois

Dentro e sobre
Sempre e muito
Tanto em comum
Tendo-nos
Sendo-nos

Dois

Vez em quando

Um


Fotos por: Alberto Goulart
Poesia por: Camila Lordelo

Fonte: http://quipro.co/2014/12/09/dois-vez-em-quando-um/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s