Rio, violência e fetiche

“O Rio não precisa de intervenção. O Rio precisa de uma Revolução.”

Por Mauro Luis Iasi*

Blog da Boitempo

“Temos de começar a pensar numa intervenção mais política
no ambiente social, acabar com esse fetiche militarizado de segurança pública
para resolver problemas que têm que ser resolvidos na esfera política”

(ORLANDO ZACCONE, delegado de polícia e doutor em Ciência política pela UFF)

Não é necessário muito esforço para verificar o que a atual intervenção do exército no Rio de Janeiro esconde. Como em outros campos, o segredo está à mostra de todos: o rei está nu… e ele não é o rei. Continuar lendo “Rio, violência e fetiche”

Anúncios

Vigilância em massa, inferno que cresce

Vigilância em massa, inferno que cresce“Falha” geral nos chips da Intel abriu espaço a roubo de dados. Google trama com Temer manipular dados sobre Previdência. Como sair do pesadelo?

Marcelo Branco, entrevistado por Patricia Fachin, no IHU Online

As falhas dos chips produzidos pela Intel, conhecidas pelos nomes de Meltdown e Spectre, são graves porque “permitem o acesso à totalidade dos dados que temos nos nossos espaços privados indevidamente, sem o nosso consentimento, por pessoas e corporações ou agências de espionagens governamentais”, diz Marcelo Branco à IHU On-Line. Continuar lendo “Vigilância em massa, inferno que cresce”

O Software Livre é o suficiente para nos tornar independentes tecnologicamente?

“Se nós educarmos crianças utilizando Software Livre, conseguiremos homens e mulheres que entendem como natural compartilhar, pesquisar e modificar todos e cada um dos programas que utilizam”, afirma Enrique Amestoy, que ao mesmo tempo problematiza: “Quem são os proprietários da fibra ou cobre que utilizamos para acessar a Internet? E quando acessamos as redes sociais, quem são os grupos econômicos e políticos por trás do Facebook, Twitter ou Google? A quais lógicas de mercado e políticas correspondem?”. O artigo é publicado por Rebelión, 20-03-2015. A tradução é do Cepat.

IHU

Eis o artigo. Continuar lendo “O Software Livre é o suficiente para nos tornar independentes tecnologicamente?”